Entenda a diferença entre público-alvo e personaComo as ações de marketing podem te ajudar a conhecer e estabelecer vínculos com seus clientes

Jornal Jr

O sucesso de um negócio está intimamente relacionado ao marketing utilizado para promover os produtos e serviços. E a utilização dos conceitos de persona e público-alvo auxiliam seu empreendimento na definição de uma boa estratégia de marketing.

Além de promover um conteúdo mais direcionado e coerente, esses conceitos te ajudam a conhecer melhor o seu público. Isso proporciona uma melhor experiência ao consumidor, que passa a se identifica com a sua marca.

O que é público-alvo? 

Definir o seu público-alvo costuma ser o primeiro passo para a elaboração de uma campanha de marketing. Para conhecê-lo, é necessário analisar quem vai consumir o seu  produto ou serviço, ou seja,  partindo de uma uma visão mais ampla e generalista, direcionar a sua campanha de marketing para o público consumidor da sua marca.

Dardos vermelhos e verdes fixados em diferentes setores de um tabuleiro fazem referência ao público-alvo.
Ao estabelecer o público-alvo, as ações projetadas pela empresa têm um retorno mais concreto e positivo. Reprodução: Pexels

O público-alvo pode ser traçado a partir das seguintes informações: 

  • Gênero
  • Idade
  • Região do país
  • Hábitos de compra

Apesar dessas definições serem bastante abrangentes, em uma primeira análise, elas que norteiam para qual público deve ser destinada a sua campanha de marketing.

 E  o que é persona?

A  persona é o cliente ideal de um negócio. Elaborada através de um personagem (com nome, idade e características próprias), ela tem o intuito de identificar um público específico a ser alcançado, além de ajudar a conhecer e entender o que é interessante para aquele nicho particular. 

Aprenda mais sobre o conceito de persona com o texto Persona: um mecanismo essencial para o marketing da sua empresa do blog da Jornal Jr.

Grupo de pessoas utilizando diversos aparelhos eletrônicos: tablets, celulares e notebooks.
Quanto mais elaborado for o perfil da buyer persona, mais fácil fica identificar onde os leads (possíveis consumidores) estão e como alcançá-los. Reprodução: Pexels

É importante ressaltar que existem diferentes tipos de persona que uma empresa pode traçar. Entretanto a mais importante delas é a buyer persona: a representação fictícia do cliente ideal

 Essa é uma estratégia útil para ter uma percepção mais precisa do consumidor de seus produtos e serviços, entendendo suas necessidades e aspirações. Dessa maneira, direcionando o produto para determinado público.

Para ilustrar melhor o conceito, considere a seguinte situação fictícia:

Uma rede de fast-food pretende analisar em qual plataforma tem mais chances de atrair clientes entre 25-30 anos, o que seria seu Público Alvo. Levando em consideração tais informações e quais dados mais se repetem dentro do público alvo, a equipe de marketing cria uma persona com o intuito de averiguar como a empresa pode alcançar e se aproximar desse público em específico. Assim chegamos à um exemplo de persona:

Miguel, 26 anos, reside em Campinas e trabalha como engenheiro de software para uma empresa de tecnologia de grande porte. Ganha entre R$5.000,00 e R$15.000,00 e é usuário assíduo de redes sociais como Facebook e Instagram. Ele usa o tempo livre para conhecer novos bares e restaurantes, além de cozinhar e sair com os amigos nos fins de semana. 

Com essas características definidas, é possível traçar estratégias mais assertivas e certeiras para atingir o público que irá consumir o que você está ofertando.

Qual a diferença e quando empregar público-alvo ou persona? 

Apesar de serem conceitos parecidos, há uma grande diferença entre público-alvo e persona. 

O público-alvo não se refere a alguém específico e, com isso, tem uma definição mais ampla. É através dele que o marketing consegue atingir o maior número  de pessoas com a mesma comunicação. Muito utilizado em mídias de massas, esse conceito oferece informações gerais sobre um grupo de clientes de seus produtos e serviços.

Pequenas peças de madeira com pontos de interrogação pintados em preto empilhados por uma pessoa sob uma superfície.
Quando bem utilizados, os conceitos de público-alvo e persona podem otimizar significativamente o marketing de uma empresa. Reprodução: Pexels

Por outro lado, a persona conversa diretamente com o tão desejado cliente ideal. A utilização desse conceito é bastante viável quando o produto em questão tem suas especificidades, além de promover um relacionamento mais estreito com esse grupo de consumidores. 

#FicaaDica: Como traçar o público-alvo e a persona da sua empresa?

Para definir seu público-alvo, utilize de pesquisas e entrevistas com atuais clientes! Procure saber o que eles almejam e como se sentem ao adquirir um de seus produtos.  Essa técnica ajudará você a entender melhor quem se interessa pelo o que o seu negócio tem a oferecer!

Grupo de pessoas reunido em uma mesa utilizando aparelhos eletrônicos diversos e conversando entre si.
As estratégias de marketing traçadas à partir de um público-alvo e uma persona têm como resultado conteúdos mais direcionados e coerentes. Reprodução: Pexels

Verifique os canais de comunicação mais adequados e utilizados pelo seu público, como as Redes Sociais, Portais de Notícias, Canais de TV, Rádio, Jornais, entre outros. Dentro da sua estratégia de comunicação, procure utilizar uma linguagem adequada com seu público, com conteúdo que seja facilmente assimilado por essas pessoas. Dessa maneira, você conseguirá se aproximar de seus atuais clientes e além disso, poderá ficar mais próximo de futuros clientes.

Para traçar a buyer persona de seu negócio, pesquise e estude sobre as características comportamentais e etnográficas de seus clientes. Entenda quais são seus sonhos, desejos e maiores problemas. Seja detalhista e pense em como sua empresa seria capaz de proporcionar a solução adequada para problemas apresentados por esse cliente ideal.

Uma estratégia que pode ser usada para a construção da sua persona, é verificar quais informações mais se repetem dentro da sua pesquisa sobre público alvo. Voltando ao exemplo da rede de fast food citado nesse texto, apesar de o público alvo ser de pessoas entre 25 e 30 anos, o cliente ideal foi caracterizado como um homem de 26 anos, pois dentro do público alvo, esse é o padrão que mais se repete.

Entendeu a importância do público alvo e da persona para a construção da sua Campanha de Marketing? Com essas informações bem definidas, ficará muito mais fácil produzir um conteúdo acessível e relevante para seus futuros clientes.











Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *